Voluntariado é dar-mo-nos ao outro

Voluntariado é dar-mo-nos ao outro

Tudo isto começou porque uma rapariga como eu sentia que havia algo a faltar na minha componente altruísta. Nunca tinha feito voluntariado e a dada altura pensei que se calhar fazê-lo poderia acrescentar-me algo como pessoa e mudar a maneira como encarava diferentes...
Uma alegria despida de bens.

Uma alegria despida de bens.

Saí de casa pelas 21:15 com o estômago saciado e acompanhado por 4 jovens que, como eu, queriam fazer algo diferente naquela noite. As 21:30 estávamos à frente do metro do Martim Moniz, prontos para enfrentar aquilo que até ao momento achávamos ser uma guerra de...